Brasil

Pai de Henry Borel sobre Dr.Jairinho: ‘Não é maluco. É psicopata lúcido, assassino’

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Evangélico, em casa, sozinho, sem dormir direito desde o fatídico dia 8 de março, o engenheiro Leniel Borel de Almeida Júnior, pai do menino Henry Borel Medeiros, conta que está orando muito, todos os dias, e que se apega a Deus para seguir em frente. “O poço não tem fundo. Têm sido dias muito difíceis. Uma notícia pior que a outra. Todos os dias sinto uma angústia diferente.”

Em entrevista, Leniel chama o vereador e médico Jairo Souza Santos Júnior, o Dr. Jairinho (sem partido), de “psicopata” e “assassino”, e não isenta Monique da obrigação de proteger Henry. O engenheiro relata, ainda, um encontro com o parlamentar, no qual pediu a Jairinho para não abraçar mais o menino, e a recusa de falar com o político no enterro da criança. Padrasto e mãe do garoto estão presos, desde o último dia 8, acusados de envolvimento na morte de Henry Borel.

Confira a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Manaus Alerta