Pai que matou filhos e mulher gritou para que ninguém os salvasse

Foto: Reprodução

Vizinhos e pessoas que estavam na rua descreveram “horríveis” as cenas do incêndio em um carro que matou a mulher e os três filhos do ex-jogador da National Rugby League (NRL) Rowan Baxter, 42 anos. Segundo informações de testemunhas, o homem jogou gasolina no interior do veículo, ateou fogo e depois se esfaqueou até a morte.

De acordo com o relato de testemunhas aos jornais australianos news.com.au e Courier Mail, Baxter abordou a esposa, que estava no carro com os três filhos do casal, jogou o líquido inflamável sobre ela e as crianças e, sem seguida, provocou o incêndio.

Um vizinho, identificado como Aaron Snell, relatou que o ex-jogador parecia furioso e, enquanto as pessoas tentavam se aproximar do carro para salvar as vítimas, Baxter gritava para que parassem de ajudá-las.

Ainda de acordo com relato de testemunhas, o ex-jogador afastou-se do carro por um momento, voltou com uma faca e, em seguida, esfaqueou-se até a morte. Equipes de emergência tentaram reanimá-lo, mas ele faleceu no local. A polícia informou ao news.com.au que o corpo de Baxter foi encontrado ao lado do veículo, mas não confirmou que ele havia se esfaqueado.

Leia a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Manaus Alerta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui