Manaus

Parceria entre prefeitura e empresa de transporte beneficia trabalhadores da saúde

Fotos: Divulgação / Semsa

A Prefeitura de Manaus fortaleceu a parceria firmada pelo prefeito David Almeida com a empresa de transporte individual 99, assegurando o repasse de 15 mil corridas aos profissionais de saúde, que atuam na ponta do processo de vacinação contra a Covid-19, na capital. A entrega simbólica foi realizada na última terça-feira, 2/3, pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), no Centro Cultural Povos da Amazônia (CCPA), localizado na avenida Silves, no bairro Crespo, zona Sul, onde funciona um dos nove postos de imunização da secretaria.

A secretária interina da Semsa, Aline Rosa Martins, destacou o trabalho dos servidores da saúde nos pontos de vacinação, uma atuação fundamental no enfrentamento à pandemia de Covid-19. “O trabalho dos profissionais é essencial para impedir a circulação do novo coronavírus. Cada funcionário representa para nós e o prefeito David Almeida um importante apoio no salvamento de vidas. Reconhecemos o valor do trabalho deles e por isso essa iniciativa da empresa 99 merece muitos elogios. Estamos na expectativa de que mais empresas se sensibilizem e nos apoiem também”, afirmou.

Na cerimônia de entrega das corridas patrocinadas pela 99, o técnico de enfermagem Maurício Jander da Silva Fernandes agradeceu o apoio e salientou o envolvimento dos trabalhadores da saúde, para que Manaus supere a pandemia de Covid-19. “O nosso compromisso nos faz acordar cedo e ir para casa só à noite, quando fechamos os relatórios de vacinação. Queremos que a nossa população volte a respirar sem máscaras, queremos abraçar nossos amigos e estamos nos esforçando para garantir que nosso povo seja imunizado”, frisou.

A parceria entre a empresa de mobilidade por aplicativo 99 e a Secretaria Municipal de Saúde é realizada com a intermediação do Fundo Manaus Solidária. Os trabalhadores que atuam na vacinação podem acionar o serviço de transporte de forma gratuita, a partir de códigos a serem fornecidos pela gestão dos cinco distritos de saúde, que avaliam a necessidade de cada um.

Os códigos serão inseridos na conta do agente público, que terá 14 dias, a partir da data de inserção, para utilizar R$ 20, válidos por corrida. Se o valor do deslocamento for inferior ao estipulado, o saldo remanescente não poderá ser usado em outras corridas. Caso a corrida tenha valor superior a R$ 20, o valor restante deverá ser pago pelo agente público, por meio do meio de pagamento escolhido antes de iniciar a viagem.

Empresa de mobilidade que oferece soluções de deslocamento por meio de aplicativo, a 99 integra a companhia global Didi Chuxing (“DiDi”) com serviços que unem facilidade, rapidez e segurança. No Brasil, mais de 20 milhões de pessoas se beneficiam dos serviços da empresa, usando diariamente o serviço de transporte individual, entregas e pagamentos.