Cidades

Parceria entre prefeitura e Instituto Sidia monitora a saúde de servidores por meio de aplicativo

Foto: Divulgação

Entre os maiores desafios enfrentados pelas empresas durante a pandemia do novo coronavírus, está o monitoramento da saúde dos funcionários no ambiente de trabalho. E foi para atender a essas necessidades que a Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), em parceria com o Sidia Instituto de Ciência e Tecnologia, instalou na sede do órgão, no conjunto Vieiralves, no bairro Nossa Senhora das Graças, zona Centro-Sul, o aplicativo “InfoSaúde”.

O InfoSaúde é um aplicativo mobile Android, que cria um canal de comunicação entre os Recursos Humanos, o time de saúde e os servidores. O objetivo é dar muito mais segurança e proteção tanto para quem está indo trabalhar, quanto para quem estiver suspeito de transmissão do novo coronavírus.

Dentre os principais benefícios do APP desenvolvido pelo Sidia destaca-se a identificação de possíveis áreas de risco de contágio pelo novo coronavírus, o cálculo do número de funcionários em risco e aumento da sensação de responsabilidade e cuidado por parte dos colaboradores.

O sistema oferece ainda diversas funcionalidades como autoavaliação, endereços de unidades públicas de saúde, sistema de lembretes e notificações e muito mais. Usando uma senha corporativa, os servidores só precisam responder a 15 perguntas duas vezes ao dia. Dependendo da pontuação obtida, como há um peso para cada resposta, o serviço de saúde avalia a necessidade de entrar em contato com o funcionário, monitorando-o mais de perto, sugerindo exames ou mesmo tratamentos. Um médico do ambulatório também pode ser chamado para consultas remotas. ⠀

De acordo com o titular da Semtepi, Radyr Júnior, manter os gestores informados, em uma visão geral e centralizada, sobre a saúde dos servidores, só traz benefícios e segurança para todos. “O aplicativo nos possibilita ter um maior cuidado nos ambientes corporativos por conta da pandemia, dissipando da melhor forma os focos da doença e orientando no cuidado com a saúde das pessoas, nosso bem mais valioso”, pontuou Radyr.

Triagem

Os responsáveis pelo aplicativo recomendam que os servidores façam autoavaliação todos os dias, para que a entrada no local de trabalho seja liberada. A partir das respostas, é gerado o passaporte de triagem nas cores semafóricas, sinalizando se o servidor tem entrada liberada, se deve comparecer à triagem ou se tem o acesso de entrada negado.

Recentemente outras secretarias municipais demonstraram interesse em utilizar o aplicativo em suas sedes e a Semtepi tem sido a mediadora junto ao Sidia, para que outros órgãos e instituições comecem a utilizá-lo. A expectativa é a de que em breve toda a Prefeitura de Manaus esteja fazendo uso do aplicativo.

Com informações da assessoria