PC investiga estupros em Maués: menina ficou grávida e garoto contraiu doença

foto: Multicipios Brasil
Manaus Alerta
Postado por Manaus Alerta

Dois supostos casos de estupro contra uma menina de 11 anos e um garoto de 4 anos estão sendo investigados pela Polícia Civil em Maués (distante 900km de Manaus). Os suspeitos dos crimes seriam o padrasto que teria engravidado a enteada, e o pai do garoto que teria passado Doença Sexualmente Transmissível (DST) ao próprio filho. As informações são do site CNA7, que ouviu o conselheiro tutelar Vandeval Moreira, que acompanha os casos de perto na cidade.

Os casos de abuso sexual chegaram até as autoridades na última quarta-feira (29) e teriam ocorrido na zona rural do município. De acordo com Vandeval a menina era estuprada pelo padrasto desde os 10 anos, e está grávida de 4 meses, recebendo apoio especializado, por conta da gravidez ser de risco. Ainda segundo o conselheiro, a vítima, além de sofrer abuso sexual, ainda era agredida fisicamente pelo homem.

O conselheiro detalhou ainda que no caso do menino de 4 anos, o estupro foi descoberto após a criança reclamar de dores nas partes íntimas, quando acabou sendo identificada uma DST, após exames. Depois da confirmação da doença, o garoto teria contado sobre o abuso cometido pelo pai. Havia a possibilidade do menor passar por cirurgia.

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) confirmou ao Manaus Alerta que os casos estão sendo apurados pelo 48ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Maués, sob o comando do delegado Rafael Schmidt, mas não revelou mais detalhes para não atrapalhar as investigações.

Portal Manaus Alerta