PM apreende mais de uma tonelada de drogas e 293 armas de fogo no interior do AM, de janeiro até maio de 2019

159
Foto: Divulgação/SSP-AM

Nos cinco primeiros meses de 2019, a Polícia Militar do Amazonas (PMAM) prendeu 3.119 pessoas e apreendeu 581 adolescentes em municípios do interior do estado, conforme dados do Comando de Policiamento do Interior (CPI). Durante o período, 1,1 tonelada de entorpecentes foi apreendida, 82 veículos roubados ou furtados foram recuperados, além de 293 armas de fogo e 1.418 munições retiradas de circulação durante as ações policiais.

“Nossos policiais têm obtido êxito para cumprir a determinação do Governo do Estado, da Secretaria de Segurança, do nosso Comando Geral e do CPI. Que nós possamos cada vez mais inibir ações desse tipo, por meio da nossa resposta de produtividade. A população amazonense pode ficar ciente de que a Polícia Militar, por meio do CPI está atenta, está atuando com seus policiais guerreiros que trabalham em diversos locais no interior, nessa brava Amazônia”, disse o comandante do CPI, coronel Claudenir.

O município de Coari, que lidera o ranking no quantitativo de armas de fogo apreendidas no interior, também registrou o maior número de apreensão de drogas, atingindo 481 quilos de entorpecentes apreendidas. Em seguida, Iranduba apresenta 203 quilos de apreensões. O município de Tefé, que ocupa a terceira posição no ranking de armas apreendidas, também ocupa o terceiro lugar na tabela de entorpecentes, com 161 quilos. Os municípios de Humaitá, Tabatinga, Boca do Acre e Parintins acumularam 126 quilos de drogas. Números que somam mais de uma tonelada de drogas apreendidas.

Das 293 armas de fogo apreendidas, 79 foram apreendidas no município de Coari (a 363 quilômetros da capital amazonense), 25 armas em Boca do Acre (distante 950 quilômetros de Manaus) e 18 apreensões de arma de fogo foram registradas no município de Tefé (distante 575 quilômetros da capital), colocando o município em terceira colocação no ranking. Outras 37 armas de fogo foram apreendidas em Iranduba, Benjamin Constant, Tabatinga e Parintins, ainda nos cinco primeiros meses de 2019.

*Com informações da assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui