Brasil

PM morto em tentativa de assalto será enterrado no dia em que faria 28 anos

No Facebook da vítima, a última foto publicada tem recebido manifestações de pesar dos amigos, desde a notícia do falecimento.
Redação
Postado por Redação

O corpo do soldado da Polícia Militar Cleber de Castro Xavier Junior, de 27 anos, morto ao reagir a um assalto no Grajaú, Zona Norte do Rio, vai ser enterrado neste domingo, mesmo dia em que ele completaria 28 anos. Parentes do policial estiveram no Instituto Médico Legal (IML) na manhã deste sábado e contaram que a vítima tinha manifestado a vontade de sair da PM até o final do ano. O enterro será no cemitério Jardim da Saudade, em Mesquita, às 10h.

— O Cleber reclamava muito das condições de trabalho e sobre a insegurança que sentia. O grande sonho dele era casar e ter filhos. A cerimônia do casamento já estava marcada, com tudo pronto, para novembro. Mas, infelizmente, essa violência acabou interrompendo o sonho dele — disse um parente do policial, que preferiu não se identificar.

Cleber é o 87º policial militar morto em 2017. Ainda de acordo com familiares, ele terminaria no final deste ano a faculdade de Letras e já estava se preparando para prestar um concurso público, a fim de trabalhar em outra área.

— Pelo amor de Deus! Eu imploro que as autoridades olhem pela nossa segurança. A impressão que dá é que já perdemos essa guerra contra a violência. Todos os dias, uma pessoa de bem, entre elas policiais, tem sua vida encerrada — apelou outro parente.

No Facebook da vítima, a última foto publicada tem recebido manifestações de pesar dos amigos, desde a notícia do falecimento. “Que o Espírito Santo console toda a família”, escreveu uma amiga.

Entenda o caso

O policial militar morreu depois que dois bandidos armados em uma moto tentaram roubar seu carro, na Rua Grajaú, na noite desta sexta-feira. O crime ocorreu próximo à Praça Edmundo Rego, uma das mais movimentadas do bairro. Segundo as primeiras informações, o soldado reagiu à abordagem e trocou tiros com os ladrões. Um dos criminosos morreu no local, e o outro, ferido, abandonou a motocicleta e fugiu a pé.

O PM, que era lotado no 15º BPM (Duque de Caxias), chegou a ser socorrido no Hospital Souza Aguiar, mas não resistiu aos ferimentos.

Fonte: Extra

Comentários

comentários



Deixe um comentário

error: COPIAR SEM DAR CRÉDITO É CRIME!