Cidades

Polícia Militar inicia curso de operações especiais em ambiente de selva

A capacitação é voltada para policiais do Amazonas e de outros estados- foto: divulgação/DCS-PMAM
Redação
Postado por Redação

A Polícia Militar do Amazonas (PMAM), por meio da Companhia de Operações Especiais (COE), unidade subordinada ao Comando de Policiamento Especializado (CPE), deu início, nesta segunda-feira (22), ao 1º Curso de Operações Policiais em Ambiente de Selva (Copas). A aula inaugural será ministrada pelo coronel de Engenharia do Exército Brasileiro, Nilton de Figueiredo Lampert, comandante do Centro de Instrução de Guerra da Selva (Cigs).

O início do curso contou com a presença dos coronéis da reserva Almir David e Alves; do coronel PM Júlio Sérgio, chefe do Estado Maior Geral da PMAM); do tenente-coronel PM Allen. comandante da Academia de Polícia Militar; do tenente-coronel PM Roberto Araújo, comandante do CPE e diretor do 1º Copas; e major PM Almir, coordenador do Esfron; além de outras autoridades civis e militares da Polícia Militar e das Forças Armadas.

Segundo o tenente-coronel PM Roberto Araújo, a realização desse curso faz parte do cronograma de estágios e cursos do CPE para o ano de 2018. ”Nosso objetivo é capacitar cada vez mais os policiais para atuarem de forma técnica no atendimento de ocorrências em ambiente de selva, visando a proteção dos cidadãos e a manutenção da ordem pública no Estado, além de contribuir para a missão institucional da PMAM”, ressaltou.

Missões na selva

Sobre a realização do 1º Copas, o capitão PM Arndt, comandante da COE e coordenador do curso, explica que a capacitação irá especializar policiais militares, federais e civis, bem como os bombeiros militares, para atuarem em missões em área de selva. ”Essa é uma preparação que vai exigir dos profissionais de segurança pública elevado preparo técnico, tático, físico e psicológico e em missões que, por sua natureza, exijam intervenção de tropa especialmente armada e treinada para tal ambiente”.

O 1º Copas conta com um público de 24 policiais militares, sendo 21 da Polícia Militar do Amazonas, 2 da Polícia Militar de Roraima e 1 da Polícia Militar do Acre. O curso terá duração de dois meses e contará com várias instruções ministradas por instrutores capacitados para que os alunos possam adquirir todos conhecimentos necessários para emprego nas operações em ambiente de selva.

Com informações da assessoria

Comentários

Deixe um comentário