Prefeito vistoria obras de mobilidade e educação e promete trabalho intenso até 31/12

Foto: Mário Oliveira / Semcom

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, adentrou a noite vistoriando obras de mobilidade urbana e educação da Prefeitura de Manaus nesta quinta-feira, 3/12. O acompanhamento constante é para garantir celeridade às diversas obras em execução pelo município. “Vamos trabalhar até o último minuto do meu mandato. Só paro à meia-noite do dia 1º de janeiro”, garantiu o chefe do Executivo municipal.

As vistoriais iniciaram na reconstrução do Terminal de Integração 1, na avenida Constantino Nery. Definida pelo prefeito como “uma luta contra o tempo”, a obra segue em ritmo acelerado. Neste momento, a plataforma norte está em fase final de concretagem e a Sul está entrando nessa fase.

“Essa obra é muito grande, são 260 metros. Seria muito mais fácil tirar aquilo que era muito feio e ter simplesmente alargado as ruas. Mas nós alocamos as pessoas que trabalhavam aqui para locais decentes e o meu desejo é concluir essa obra, porque ela é desafiadora e vai ser um modelo para a cidade. É um desafio e tanto, mas já avançamos demais e estamos lutando”, afirmou Arthur Neto.

Em seguida, o prefeito foi para a zona Leste da capital, onde acompanhou os serviços na escola de ensino fundamental Julia Barjona, no bairro São José 1. Também em ritmo acelerado, a obra está mais de 75% concluída, e deve ser entregue até o final do ano, para ser utilizada no ano letivo de 2021.

“Essa obra parecia impossível e já recebemos da construtora a garantia que ela será entregue ainda este ano. É uma escola com 14 salas e será muito importante para o desenvolvimento da educação nessa região”, comemorou o prefeito.

Na zona Norte, o prefeito vistoriou, já no começo da noite, a obra do Centro Integrado Municipal de Educação (Cime), do conjunto Águas Claras, no bairro Novo Aleixo. A escola é o último dos cinco Cimes construídos na gestão do prefeito Arthur Neto e também será entregue até o final do ano.

“Já estamos com aspecto de obras muito avançadas. O concreto está sendo produzido para virar paisagem da escola definitiva. Do último andar podemos ter uma visão completa da obra e observo que estamos correndo contra o tempo, mas tenho muita convicção que vamos entregar essa obra”, afirmou o prefeito.

Para Arthur, entregar escolas é uma questão de honra, principalmente em bairros com baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). “Vamos fazer de cada dia um marco de luta, com garra, pegada, com objetivo de entregar obras, principalmente, porque se tratam de escolas em bairros periféricos e com elas iremos enfrentar as dificuldades da falta de renda dessa população. Vamos apostar cada vez mais na educação”, finalizou o prefeito.

Os Cimes foram construídos por meio do Projeto de Expansão e Melhoria Educacional da Rede Pública Municipal de Manaus (Proemem), que tem como objetivo geral expandir a cobertura e melhorar a qualidade da educação infantil e do ensino fundamental na rede municipal de Manaus, sendo parcialmente financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Três deles já foram inaugurados e o quarto será entregue ainda na primeira quinzena de dezembro, no bairro Lago Azul. O quinto Cime é o que está sendo construído no bairro Novo Aleixo.

Com informações da assessoria