Prefeitura assegura abastecimento de UBSs com kits de prevenção contra o coronavírus

A distribuição do material começou a ser feita no último final de semana- foto: Nathalie Brasil
Manaus Alerta
Postado por Manaus Alerta

Até a próxima semana, todas as 220 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e policlínicas da Prefeitura de Manaus já deverão estar abastecidas com os kits de proteção contra o novo coronavírus.

A distribuição do material começou a ser feita no último final de semana pelo Departamento de Logística (Delog) da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). Até o começo desta semana, 63 pontos de atendimento já haviam recebido o material.

O subsecretário de Gestão Administrativa e Planejamento da Semsa, Nagib Salem, acompanhou a entrega do kit na UBS Nilton Lins, localizada no Complexo Universitário Nilton Lins, em Flores, zona Centro-Sul. Segundo ele, desde o mês de janeiro, as equipes da Semsa começaram a fazer reuniões para planejar estratégias de ação para enfrentamento de mais essa situação de saúde pública, segundo a orientação do prefeito Arthur Virgílio Neto.

“Um dos pontos foi realizar um levantamento dos produtos necessários para assegurar uma maior proteção tanto para nossos servidores, quanto para nossos usuários. Antes mesmo da declaração de pandemia pela Organização Mundial de Saúde (OMS), já havíamos nos antecipado, fazendo a aquisição do material, inclusive medicamentos, para que não falte nada em nossas unidades”, informou Nagib.

Os kits são compostos por máscara cirúrgica, luva de procedimento, refil de álcool gel 70%, álcool líquido 70%, avental, papel toalha, desinfetante, detergente, água sanitária e sacos para lixo.

A diretora da UBS Nilton Lins, Francicléia dos Santos Azevedo, explicou que a utilização dos itens dos kits está sendo orientada pela Subsecretaria de Gestão da Saúde da Semsa, para garantir que o material chegue a quem, de fato, precisa. “No caso das máscaras, nós só vamos disponibilizar a quem realmente tiver essa indicação, ou seja, as pessoas sintomáticas. Não será uma distribuição indiscriminada”, alertou a diretora.

Com informações da assessoria (*)


Deixe um comentário