Prefeitura chama 220 professores em 4ª convocação deste ano do concurso da Semed

Foto: Cleomir Santos / Semed

Mais 220 professores aprovados em cadastro de reserva foram convocados pela Prefeitura de Manaus, para atuar nas unidades de ensino da Secretaria Municipal de Educação (Semed). O decreto de nomeação foi publicado na edição 4.778 do Diário Oficial do Município (DOM) e a convocação na edição 4.779. Os novos servidores têm até o 13 de março para comparecer ao órgão, localizado na avenida Mário Ypiranga, Parque 10 de Novembro, zona Centro-Sul. Esse é o quarto chamamento só no início deste ano.

“Fizemos um concurso com 400 vagas e já foram chamados mais de 3 mil professores. Essa nova convocação é, justamente, para atender, com qualidade na docência, as novas unidades de ensino municipal. Acredito que o desenvolvimento vem a partir da educação, para isso a prefeitura tem investido na infraestrutura das escolas, em projetos pedagógicos e professores qualificados em sala de aula”, destacou o prefeito Arthur Virgílio Neto.

Desde quando o resultado do concurso foi homologado, em 2018, foram feitas 23 convocações. No total, já foram chamados 3.060 professores, dos quais os 400 primeiros foram os aprovados dentro do número de vagas ofertadas e os outros 2.660 do cadastro de reserva, ou seja, houve convocação mais de 7 vezes superior ao número de vagas dispostas no edital do certame.

Os profissionais dessa nova convocação têm do dia 13 de fevereiro a 13 de março para comparecer à sala 113, da Comissão de Investidura da Semed, localizada na sede do órgão, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h, até o dia 13 de março, com os originais e cópias dos documentos listados no edital, como CPF, comprovante de residência, título de eleitor, PIS/Pasep, diploma e histórico escolar, certidão de casamento, identidade das crianças e certificado de reservista, dentre outros.

A chefe da Divisão de Pessoal da Semed, Altina Magalhães, alertou sobre o prazo de entrega de documentos e destacou a preocupação do poder público municipal em oferecer um processo de ensino e aprendizagem de qualidade aos alunos da rede.

“Essa é a proposta do prefeito Arthur e a meta da Semed de iniciar o ano com todos os professores em sala de aula. Essa convocação demonstra claramente a preocupação da prefeitura de atender da melhor forma a nossa clientela. Chamamos a atenção para que esses candidatos não percam o prazo e o horário. Eles terão o período de 30 dias para comparecer”, comentou.

Atuação

Os novos educadores serão lotados de imediato nas novas unidades de ensino, da Semed, que são: o Centro Integrado Municipal de Educação (Cime) Professor José Aldemir de Oliveira, no ramal do Brasileirinho; as creches municipais Maristela Anunciação, no Núcleo 15, da Cidade Nova; e Dalila Bentes Duarte, no Santa Etelvina; e a escola municipal Gilberto Rodrigues, no Viver Melhor.

Os professores atuarão nas modalidades da educação infantil, 1º ao 5º anos do ensino fundamental, Educação Física, Língua Portuguesa e Inglesa, História, Geografia, Arte e Ensino Religioso. Para a zona Norte, serão destinados um total de 129 professores. Já na Leste são 38 educadores e a ribeirinha contará com um efetivo de 53 profissionais.

*Com informações da assessoria