Manaus

Prefeitura se reúne com empresas para alinhar últimos ajustes em obra do viaduto do Manoa

Foto: Osmar Neto/Seminf

A Comissão Interinstitucional de Apuração de Obras em Conclusão (Caoc), instituída pela Prefeitura de Manaus, se reuniu na manhã desta quarta-feira,(28), na Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), com as empresas JNasser Engenharia Ltda. e a Construtora Soma Ltda., responsáveis pela construção do complexo viário Professora Isabel Victoria, na avenida Max Teixeira, Cidade Nova, zona Norte, para o alinhamento da última etapa dos ajustes para a execução das obras no lado oeste do tabuleiro do equipamento, que continua apresentando desnível.

Durante o encontro, todas as normas técnicas apresentadas pela comissão foram alinhadas. Os responsáveis pela fiscalização da obra chegaram à conclusão técnica de que o equipamento vai precisar passar por um aterro no piso do pavimento, com uma extensão da rampa de cabeceira do lado oeste, que, atualmente, apresenta uma inclinação média de 12%. A intenção é chegar à inclinação máxima de 9%.

“O prefeito David Almeida e o vice-prefeito e secretário municipal de Infraestrutura, Marcos Rotta, determinaram que encontrássemos, em conjunto, a solução definitiva para o problema do complexo, que é importantíssimo para nossa cidade e já deveria ter sido entregue. Com o diálogo com as empresas, logo finalizaremos os ajustes e entregaremos esse viaduto para a população”, afirmou o subsecretário de Serviços Básicos da Seminf, Egleuson Santiago.

O presidente da Caoc, engenheiro Claudinei da Silva, explicou que as inadequações encontradas pelas equipes da prefeitura no viaduto serão concluídas nessa última etapa de ajustes. Segundo Silva, todas as decisões foram acatadas pelas empresas, e os reparos serão realizados no tabuleiro do lado oeste, para que a obra seja entregue e liberada para a população.

“Enfim, chegamos a um consenso da última adequação a ser realizada no viaduto. Faremos agora um cálculo estrutural para verificar se a parede lateral de contenção vai sustentar essa adequação com o novo aterro do piso do pavimento. Concluída essa etapa, a obra será realizada”, afirmou.

A reunião foi com intuito de corroborar com a ata assinada anteriormente, para que todos os ajustes sejam feitos no menor tempo possível. No encontro, também estiveram presentes representantes do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), que vêm participando desde o início do processo de alinhamento entre as empresas e a Prefeitura de Manaus.

As informações são da assessoria