Professor é preso suspeito de oferecer filha para atos sexuais em redes sociais

Foto: Reprodução/TV

Professor é preso durante operação de combate à pornografia infantil e estupro de vulnerável. De acordo com a investigação, o homem oferecia a filha para praticar atos sexuais em troca de dinheiro. A operação foi deflagrada nesta terça-feira (10).

Os policiais apreenderam o celular do suspeito. De acordo com a polícia, o homem se passava por mulher em perfis de redes de relacionamento. Ele afirmava que precisava de ajuda financeira para cuidar da filha de 6 anos.

O suspeito confessou que enviou as mensagens, mas negou ter praticado algum ato. As investigações devem apurar se o homem falou a verdade.

“As investigações vão prosseguir até para apurar o crime de estupro de vulnerável dessa filha ou de outras crianças”, destaca a delegada Adriana Pavarina.

O suspeito foi detido, em Assis-SP, após denúncias. A linha telefônica do homem estava registrada com dados falsos de outra professora. Com o suspeito foram apreendidos celulares e dois computadores.

Após deter o homem, as autoridades cumpriram mandados de busca e apreensão no endereço do suspeito, em Marília. Segundo a polícia, ele é professor da rede estadual de ensino. Além disso, ele ocupa cargo administrativo na sede da secretaria municipal de Assis.

A diretoria da instituição de ensino afirma estar à disposição dos pais e responsáveis pelos alunos para quaisquer esclarecimentos e que irá colaborar com as investigações.

As informações são do JBr