Projeto Lei da CMM obriga academias a realizar palestras sobre uso de anabolizantes

Foto: Reprodução

O Projeto de Lei de 183/2018, de autoria do vereador Professor Samuel (sem partido), obriga as academias de musculação a realizar palestras e/ou produzir informações sobre os perigos do uso de anabolizantes. O PL foi aprovado em votação na Câmara Municipal de Manaus (CMM), nesta segunda-feira (9), e segue para a sanção do prefeito Arthur Virgílio Neto.

De acordo com o texto do PL, o aluno deverá receber no ato da matrícula, informações que podem ser passadas através de uma cartilha ou folder, elaborada por profissional de educação física, alertando para os malefícios da utilização de esteróides anabolizantes.

O projeto também orienta que no caso de não haver material impresso, o aluno deverá antes de iniciar suas atividades, ser convocado para assistir a uma palestra, dada por um profissional de educação física alertando a respeito do assunto.

Segundo o autor do PL, atualmente a busca pelo corpo perfeito tornou-se moda e com isso, infelizmente, muitos alunos de academias escolhem o lado fácil e perigoso, sem auxílio de um profissional.

“Os esteróides anabólicos androgênicos (EAAS) são substâncias sintéticas, derivadas do hormônio sexual masculino, a testosterona. São vendidos em diversos lugares vários tipos de medicamentos, remédios para emagrecer, para acabar com a flacidez entre outros. Algumas pessoas, que não aceitam o próprio corpo, e querem se tornar mais “fortes” e musculosas, acabam fazendo uso de anabolizantes sem saber as conseqüências que o uso desse hormônio poderá acarretar em um futuro bem próximo”, explicou o parlamentar.

(*) Com informações da Dircom/CMM