‘Quem queimar a largada ficará pelo caminho’, diz Marcelo Ramos sobre sucessão de Maia

foto: Reprodução

Em seu primeiro mandato como deputado federal, Marcelo Ramos (PL-AM) é nome cotado para disputar a sucessão de Rodrigo Maia (DEM-RJ) na Presidência da Câmara. Após ter comandado a comissão especial que analisou a reforma da Previdência, o que dominou as discussões na Câmara no primeiro ano de mandato do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o deputado amazonense ganhou espaço de diálogo com os três grupos predominantes na Câmara: os bolsonaristas, o Centro mais ligado a Maia, e do qual ele faz parte, e ainda a oposição.

Apesar de expressar preocupação em não antecipar a disputa, não faz segredo das conversas que tem tido cotidianamente com lideranças que, segundo ele, já expressaram apoio ao seu nome. “Eu acho que quem queimar a largada vai ficar pelo caminho”, disse o deputado, em entrevista ao Metrópoles. “Então, eu trato com muita prudência”, admite.

Leia a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Portal Manaus Alerta