Rodoviários paralisam atividades após adiamento no julgamento do dissídio coletivo

Paralisação acontece após pedido de vistas no julgamento do dissídio coletivo da categoria - Imagem: Divulgação - WhatsApp

Por volta das 10h30, os motoristas do transporte coletivo de Manaus resolveram cruzar os braços na área do Terminal 1, localizado na avenida Constantino Nery. A medida causou vários transtornos, como congestionamentos quilométricos, além de fazerem os passageiros descerem dos ônibus e concluírem o restante do trajeto a pé.

Segundo o Sindicato dos Rodoviários, a paralisação é um protesto após pedido de vistas no julgamento do dissídio coletivo da categoria que ocorreria hoje.

Por sua vez, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram) informa desconhecer o motivo da paralisação no sistema.

Nessa confronto quem sai perdendo é a população como um todo, pois paga para ter um transporte de péssima qualidade com uma frota sucateada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui