Roubo do arsenal de 108 armas de coronel falecido foi arquitetado pela própria viúva e filha dele

Foto: Divulgação

A Polícia Civil deflagra operação ‘Néphila’ nesta quarta-feira (28) e apreende dezenas de armas de fogo, suspostamente roubadas de um acervo de coleção do coronel Fernando Valente, que faleceu em 2018.

Conforme o delegado Cícero Túlio, titular da Derfv, as investigações em torno do caso apontaram uma falsa comunicação de crime realizado pela própria viúva dele, juntamente com a filha e uma companheira dela.

Mais informações serão repassadas durante a coletiva de imprensa pela Polícia Civil. 

Relembre o caso 

No dia 3 de outubro deste ano, criminosos invadiram a casa de um coronel Fernando Valente, falecido em 2018, e fizeram a família de refém de roubaram mais de 108 armas de seu acervo. O crime aconteceu na Rua 3, no bairro Parque 10, Zona Centro-Sul de Manaus.

Três familiares saíam da casa quando foram abordadas pelos bandidos que as fizeram entrar de volta. Eles amarraram as vítimas e as fizeram de refém enquanto roubavam cerca de 108 armas, entre elas revólveres e fuzis.

Por Portal Manaus Alerta