Seas promove V Curso de Formação para supervisores do Programa Criança Feliz

Foto: Divulgação/SEAS

A Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas) vai promover no período de 14 a 18 de setembro o V Curso de Formação para supervisores do Programa Criança Feliz (PCF). A ação é uma parceria público-privada com o Centro Universitário Uninorte – Unidade 1, que disponibilizará o Auditório Junot Martins Louzada, na Escola de Ciências da Saúde, situada na avenida Joaquim Nabuco, Centro, para a realização do evento.

Estão convidados 61 profissionais dos 59 municípios que aderiram ao programa no Amazonas, que realizam o acompanhamento domiciliar para promover o desenvolvimento das crianças na primeira infância, considerando sua família e seu contexto de vida. Também participarão membros do Comitê Gestor Estadual do PCF; palestrantes e convidados.

A ação visa fortalecer o conteúdo técnico para os profissionais de gestão e trabalho do programa, com conhecimentos sobre alinhamento dos conceitos à prática; instrumentais; utilização do prontuário Suas eletrônico relacionando esta ferramenta com a realidade da população e o território acompanhado pelo Criança Feliz e a atuação da equipe técnica. Vai ser tratado ainda sobre a utilização do novo modelo de visita às famílias denominado e-PCF.

De acordo com a coordenadora estadual do programa, Liliam Gomes Melo, o curso tem como objetivo alimentar os supervisores de conhecimentos teóricos a respeito de como abordar as famílias e também treiná-los sobre o novo modelo de registro das visitas domiciliares denominado e-PCF, que irá substituir o prontuário Suas eletrônico, utilizado atualmente.

Segundo Liliam Melo, o Ministério da Cidadania criou um modelo próprio por conta do grande número de visitas realizadas. “No Amazonas já foram mais de 760 mil registros, desde que o programa iniciou, em 2017, até os dias atuais”, informou, destacando que os supervisores são peças fundamentais para a implementação do PCF.

O que é –
Uma iniciativa do Governo Federal, por meio do Ministério da Cidadania, em parceria com o Governo do Amazonas, o Programa Criança Feliz se desenvolve por meio de visitas domiciliares com a finalidade de promover o desenvolvimento integral das crianças, buscando envolver ações de saúde, educação, assistência social, cultura e direitos humanos.

O perfil das crianças atendidas pelo PCF é de 0 a 3 anos, oriundos do Bolsa Família; de 0 a 6 anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC), gestantes e crianças que estão em medida de proteção, quando são retiradas do lar por conta de maus tratos etc. Os visitadores acompanham as crianças desde o ventre da mãe, orientando sobre cuidados na gravidez; preparação para a vinda do bebê e como fazer após o parto.

(*) Com informações da Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas)