Sejusc anuncia retorno do projeto Cinoterapia; saiba o que é

foto: divulgação/Sejusc

A Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc) anunciou nesta sexta-feira (21), por meio da Secretaria Executiva de Direitos da Pessoa com Deficiência, o retorno do projeto Cinoterapia. A apresentação ocorreu durante a abertura da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla.

A Cinoterapia da Sejusc conta com o apoio da Pet Terapia Amigo Fiel. A atividade é realizada com cães que atuam como instrumento terapêutico, estimulando o lado sensorial, motor e cognitivo no tratamento de crianças com deficiência.

O secretário William Abreu, titular da Sejusc, destacou a importância da atividade, que integra a programação da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, que também promove a interação e troca de experiências entre pais e filhos. Ele destaca que a Sejusc tem o papel de defender a inclusão, pois todos são cidadãos de direitos.

A secretária executiva de Direitos da Pessoa com a Deficiência da Sejusc, Lêda Maia, deu mais detalhes sobre a Cinoterapia: “Temos a parceria do grupo Amigo Fiel. Eles são voluntários que trazem os animais para cá. As crianças têm interação com os cachorros, mas não é só aquela interação de brincar, é interação de fazerem atividades, trabalham coordenação motora, trabalham desenvolvimento da fala, a postura e o andar”, disse.

A coordenadora da Pet Terapia Amigo Fiel, Rose Mary Veiga, destacou que as atividades com cães ajudam, principalmente, crianças com o Transtorno do Espectro Autista (TEA) e com deficiência motora. “Será muito benéfica fisicamente, mas também intelectualmente. Já é comprovado cientificamente que os cães, os cavalos auxiliam grandemente no retorno dessas crianças à sociedade. Auxiliam muito no caminhar, no falar, na interação com o outro, diminui o estresse. Então, é um trabalho que eu acredito, fielmente, que vai crescer muito dentro da Sejusc”.

Início

A abertura da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla iniciou com um bate-papo, com a secretária Lêda Maia e representantes do Conselho Estadual de Direitos da Pessoa com Deficiência (Conede), membros da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), do Abrigo Moacyr Alves, da Associação dos Deficientes Intelectuais do Amazonas, da Associação Pestalozzi, da Associação de Apoio às Pessoas Portadoras de Necessidades Especiais (AAPPNE), entre outros.

De acordo com a secretária Lêda Maia, a Semana também é importante para reunir órgãos e Organizações da Sociedade Civil (OSCs), que atendem o público PcD, para juntos, Governo e organizações, montarem um planejamento de ações voltadas a este grupo.

Semana

A Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla foi instituída pela Lei nº 13.585, de 26 de dezembro de 2017. A semana também tem a função de sensibilizar governos e comunidades em relação às potencialidades das pessoas com deficiência e chamar a atenção para suas necessidades, tanto para a definição de políticas públicas quanto para o combate ao preconceito.

Programação

Terça-feira (25), às 15h

Local: Núcleo PcD, rua Salvador, 456, bairro Adrianópolis

• Terapia assistida por animais para crianças em parceria com o Grupo Pet Fiel

Quarta-feira (26), 8h às 10h

Local: Comando de Policiamento Especializado da PM, rua Tiradentes, bairro Dom Pedro

• Equoterapia com cavalos desenvolvida pela Cavalaria da Polícia Militar

Com informações do Governo do Amazonas