Setembro Amarelo: Literatus realiza ações em prol da saúde mental

Foto: Divulgação

Setembro é o mês mundial de prevenção do suicídio, chamado também de Setembro Amarelo. Dados da Associação Brasileira de Psiquiatria apontam que são registrados anualmente no país aproximadamente 12 mil suicídios e mais de 1 milhão no mundo. Por conta disso, o Centro de Ensino Literatus irá realizar uma programação especial em prol da saúde mental.

Distribuição de informativos, rodas de conversa, paródias, músicas, poesias e reflexões nas mídias sociais da instituição fazem parte das ações da campanha, que acontecerá nas três unidades da instituição, localizadas na rua Pará e avenidas Djalma Batista e Paraíba.

A programação do Literatus terá como tema “O Suicídio e o Isolamento: precisamos falar sobre isso”. Embora a pandemia de Covid-19 seja recente, dezenas de pesquisas pelo mundo já demonstram os seus efeitos psíquicos na população, entre eles, estresse, ansiedade e depressão.

“Por conta do distanciamento social, este ano a nossa programação está mais limitada, então não haverá atividades externas como costumamos fazer, mas iremos reforçar as atividades nas salas de aula, na entrada dos alunos e corredores da instituição. O importante é falar a respeito, porque suicídio é uma realidade que afeta pessoas do nosso convívio”, informa a enfermeira e assessora técnica dos cursos de saúde do Centro de Ensino Literatus, Nice Varela.

Outro destaque da programação é a divulgação do trabalho do Centro de Valorização da Vida (CVV), que realiza apoio emocional e prevenção ao suicídio, atendendo de forma voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, com total sigilo por telefone gratuitamente para o 188, e-mail e chat, disponível no site www.cvv.org.br, 24 horas todos os dias.

As informações são da assessoria