Site disponibiliza impressões de requisições para exames de corpo de delito

Foto: Bruno Zanardo/Secom

Com o período de pandemia causado pelo novo coronavírus (Covid-19), o isolamento social se fez necessário. Para que as ocorrências sejam registradas de maneira mais rápida, sem que a vítima se desloque até uma unidade policial e fique exposta a aglomerações a Delegacia Interativa (DI), da Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), passou por algumas modificações em seu endereço eletrônico.

Uma das novidades do site é em relação aos crimes de lesão corporal ou acidentes de trânsito com vítima lesionada. Nestes casos, a vítima faz o registro da ocorrência on-line e, após a triagem feita pela equipe da DI, já recebe a requisição para a realização do exame no Instituto Médico Legal (IML), sem precisar ir pessoalmente até um Distrito Integrado de Polícia (DIP) pegar o encaminhamento, o que antes não era possível.

“Nós criamos a opção do próprio usuário imprimir a requisição de corpo de delito. Caso o usuário tenha sido vítima de uma lesão corporal ou um acidente de trânsito com vítima lesionada, após o preenchimento do Boletim de Ocorrência vai ter a opção para ele preencher a requisição que vai para o IML, que é a requisição de corpo de delito. Então ele mesmo já vai poder imprimir essa requisição e se dirigir ao IML, pessoalmente, para poder realizar o exame”, disse a delegada Ana Cristina Braga, titular da DI. Os Boletins de Ocorrência (BOs) são aprovados e liberados em até 24 horas.

Antes da atualização feita no site só era possível registrar BOs específicos, como roubo e furto, ameaça, calúnia, difamação, injúria entre outros. Agora, qualquer tipo de crime pode ser registrado também pelo endereço eletrônico.

“Nós abrimos aqui um link de outros tipos de crimes. Então, o usuário pode narrar o fato criminoso, após isso a nossa equipe de investigação faz uma triagem e validação dessa ocorrência. Havendo alguma inconsistência nos dados fornecidos pelo usuário, a nossa equipe prontamente vai fazer essa ratificação e após isso é feita a validação desse Boletim de Ocorrência”, explicou a delegada titular da DI, Ana Cristina Braga.

Segundo a autoridade policial, o site da Delegacia Interativa continua passando por modificações, no intuito de facilitar o acesso aos usuários.

“O nosso objetivo é tornar o site da Delegacia Interativa o mais dinâmico possível. E para isso a gente está em constante atualização. O nosso layout é de fácil acesso, de fácil entendimento, isso para que seja mais dinâmico e que o usuário possa registrar a ocorrência de forma mais rápida e sem nenhuma dúvida”, afirmou a delegada. O site da delegacia interativa é o www.delegaciainterativa.am.gov.br.

(*) Com informações da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM)