Manaus

Site da UEA cria mapeamento da Covid-19, em Manaus

foto: divulgação

Plataforma foi desenvolvida pelo professor Fábio Silva, em parceria com o aluno do curso de Sistema de Informação da UEA, Victor Yan Pereira

Desenvolvido na Universidade do Estado do Amazonas (UEA), em março deste ano, o site Covid19MAP intensificou nesta semana um novo processo de mapeamento relacionado à vacinação contra a Covid-19. O novo mecanismo do site visa acompanhar o número de pessoas vacinadas na capital para identificar qual a zona da cidade com o maior número de pessoas imunizadas.

De acordo com o responsável pela plataforma, o professor doutor Fábio Silva, da UEA, a criação do site contou com a parceria do aluno do curso de Sistema de Informação da UEA, Victor Yan Pereira.

“Desta vez, estamos incentivando as pessoas a usarem a plataforma para informar que já foram vacinadas. Assim como na primeira etapa do projeto, a nossa ideia agora é identificar a zona com o maior índice de pessoas imunizadas para continuar mostrando à população através do nosso sistema, os pontos da cidade onde há pessoas infectadas e, também, pessoas recuperadas e vacinadas”, destacou.

Solidariedade

Além dessas ferramentas, o professor reforça que o site é um canal de ajuda humanitária para pessoas em situação de vulnerabilidade social devido aos impactos provocados pela pandemia da Covid-19. No endereço é disponibilizado um link por meio do qual as pessoas possam informar que estão precisando de alimentos, remédios, roupas, entre outros itens. No mesmo espaço, existe também um formulário destinado a pessoas que tenham interesse em doar.

“Ao realizar o cadastro, a pessoa terá acesso ao Mapa de Casos da cidade e ao Mapa de Ajuda, visualizando quem precisa e quem oferece ajuda. Nos últimos meses, o site já ajudou centenas de pessoas com doações de cestas básicas, medicamentos e kits de oxigênio, mas é preciso a colaboração da sociedade para que o aplicativo se mantenha vivo e útil. É muito importante que a população acesse e colabore. Só assim, poderemos mudar essa realidade que Manaus está passando”, finalizou Fábio.

Com informações da assessoria