Suzano: corpos de vítimas de massacre começam a ser sepultados

Seis vítimas foram veladas juntas no Parque Max Feffer, conhecido como Arena Suzano. Elas serão enterradas no Cemitério Municipal

Os corpos das seis vítimas que foram veladas juntas no Parque Max Feffer, conhecido como Arena Suzano, começam a deixar o local para serem enterrados no Cemitério Municipal São Sebastião. Ao longo desta quinta-feira (14/3), mais se 10 mil pessoas passaram pelo local.

No início da tarde, o corpo de Guilherme Taucci Medeiros, de 17 anos, um dos atiradores do massacre, foi sepultado no mesmo cemitério. A família optou por uma cerimônia restrita. Segundo informações de funcionários do cemitério, cerca de 20 pessoas participaram.

O corpo do aluno Douglas Murilo, de 16 anos, está sendo velado em uma igreja evangélica no bairro Parque Maria Helena por escolha da família. A cerimônia é dedicada a amigos próximos e parentes.

SP – ATAQUE/ESCOLA/TIROS/VEL”RIO – GERAL – O secret·rio de EducaÁ„o, Rossieli Soares da Silva (c), comparece ao velÛrio dos corpos de seis das vÌtimas do massacre ocorrido na Escola Estadual Raul Brasil, na manh„ desta quinta-feira, 14, na Arena Suzano, no Parque Max Feffer, em Suzano, na Grande S„o Paulo. Dois ex-alunos assassinaram oito pessoas na manh„ da quarta-feira, 13. Entre os mortos h· cinco alunos, uma coordenadora pedagÛgica, uma funcion·ria da escola e um funcion·rio de uma locadora de veÌculos. ApÛs a aÁ„o, um dos atiradores acabou matando o comparsa e depois cometeu suicÌdio. A PolÌcia investiga se os autores do massacre, Luiz Henrique de Castro, de 25 anos, e G.T.M., de 17, planejaram o crime em um fÛrum de jogos online e tenta estabelecer a motivaÁ„o da aÁ„o. 14/03/2019 – Foto: ANANDA MIGLIANO/O FOTOGR¡FICO/ESTAD√O CONTE⁄DO

O sepultamento do corpo da funcionária do Colégio Estadual Raul Brasil Marilena Ferreira Vieira Umezo não será realizado nesta quinta. A família espera um dos filhos dela chegar nesta sexta-feira (15), da China.

Familiares de Marilene não divulgaram o local do enterro, apesar de terem jazigo no Cemitério Municipal São Sebastião. Ao sair da arena, o corpo dela será levado para a Igreja Matriz São Sebastião, onde haverá continuidade do velório. Os cortejos partiram por voltas das 15h30.

O primeiro corpo chegou por volta das 15h50 no cemitério e o sepultamento das outras vítimas deve ser realizada a cada trinta minutos. A movimentação de familiares, amigos, funerárias e moradores que Suzano que prestam suas homenagens dificultam o trajeto.

Veja ordem dos enterros:
Samuel Melquiades Silva de Oliveira (estudante)
Caio Oliveira (estudante)
Claiton Antonio Ribeiro (estudante)
Eliane Regina Oliveira Xavier (funcionária)
Kaio Lucas da Costa Limeira (estudante)

Fonte: Metrópoles