Tiroteio perto da fronteira com os EUA deixa 14 mortos no México

foto: divulgação

Ao menos 14 pessoas foram mortas durante um tiroteio, ocorrido no sábado (30), na cidade de Villa Union, no norte do México, próximo à fronteira com os Estados Unidos.

Segundo informou o governador de Coahuila, Miguel Angel Riquelme, onde fica a cidade, a polícia entrou em conflito com um grupo de pistoleiros fortemente armados, supostamente pertencentes ao Cartel Del Noroeste, que pratica o tráfico de drogas na região.

Entre os mortos, estão quatro policiais. Outros seis, segundo informações divulgadas pela administração local, também ficaram feridos. Não foram detalhados números de pessoas desaparecidas após o confronto.

Riquelme disse à imprensa local que o estado agiu “decisivamente” para combater os desmandos do cartel.

Troca de tiros

Os conflitos começaram por volta do meio-dia, quando disparos pesados ​​começaram a ser ouvidos e um comboio de caminhonetes armadas podia ser visto se movendo pela cidade, de acordo com vídeos postados por usuários de mídias sociais.

A fachada do prédio da prefeitura (foto em destaque) da cidade ficou marcado por inúmeros buracos de bala. O conflito durou mais de uma hora. A cidade fica a 65 km a sudoeste da cidade fronteiriça de Piedras Negras.

As informações são do Metrópoles