Brasil

Traficante que comemorava liberdade é suspeito de atirar e matar Kaio

Foto: Arquivo Pessoal

A Polícia Civil do Rio de Janeiro já tem um suspeito pela morte do menino Kaio Guilherme da Silva Baraúna, de 8 anos, atingido por uma bala perdida na cabeça, no último dia 16, na comunidade da Vila Aliança, em Bangu, zona oeste da cidade.

“Ele seria um traficante que teria saído do sistema prisional em razão de um benefício há alguns meses. Ele estaria comemorando nas ruas da Vila Aliança essa liberdade e teria disparado um dos tiros que causou a morte do garoto”, explicou o delegado Luiz Maurício Armond, da 34ª DP (Bangu) ao G1.

Confira a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Manaus Alerta