Trama macabra: história de Flordelis pode vira documentário ‘Valei-me Deus’

Foto: Reprodução

Um dos casos mais intrincados do universo policial brasileiro, o assassinato do pastor Anderson vai se tornar documentário pelas mãos do roteirista e diretor de obras audiovisuais Henrique Freitas. Mas o foco, claro, não será ele, mas aquela que o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) aponta como mandante do crime: a deputada federal Flordelis (PSD-RJ).

Valei-me Deus – O Caso Flordelis vai usar o crime como ponto de partida, mas irá além. A trama vai resgatar histórias de Flordelis desde sua infância pobre, na Favela do Jacarezinho, até seu indiciamento pela Justiça, acusada de planejar o crime, com apoio de pelo menos seis filhos e uma neta. “Mostrar que nem tudo que reluz é ouro: esse é meu objetivo. O caso é emblemático por isso. Dá a dimensão que, muitas vezes, mídia e sociedade compram histórias que são falsas do início ao fim”, afirma Henrique.

Leia a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Portal Manaus Alerta