União tem 72h para explicar sigilo de 100 anos no cartão de vacinação de Bolsonaro

foto: Brasil61

A Justiça Federal deu prazo de 72 horas para que a União justifique o sigilo de até 100 anos decretado ao cartão de vacinação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). A decisão é da juíza federal Adverci Rates Mendes de Abreu e parte de pedido feito pela presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), a deputada federal Gleisi Hoffmann.

Na justificativa, a magistrada afirma que a tutela de urgência só pode ser concedida liminarmente ou após a justificação prévia. Diante disso, defende adotar “cautela em se ouvir previamente o lado demandado”.

Leia a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Manaus Alerta