Saúde

Vacinas da Covid-19 evitam 80% das internações de idosos, diz estudo

Foto: Dhyeizo Lemos / Semcom

Um comunicado divulgado pela Agência de Saúde Pública da Inglaterra (PHE, na sigla em inglês) nesta segunda-feira (1) afirmou que as vacinas contra o coronavírus desenvolvidas pela Pfizer e pela AstraZeneca podem prevenir 80% das hospitalizações por Covid-19 em pacientes com mais de 80 anos de idade após uma única dose. A informação foi dada a partir de um estudo prévio, ainda não publicado em revistas científicas e, portanto, não revisado por outros pesquisadores.

A agência informou, ainda, que o estudo mostrou que, no “mundo real” (ou seja, fora de ensaios clínicos controlados), a vacina Pfizer/BioNTech oferece entre 57% e 61% de proteção contra a Covid-19 sintomática em pacientes com mais de 70 anos após a primeira dose. O imunizante Oxford/AstraZeneca apresentou entre 60% e 73% quatro semanas após a primeira dose para a mesma faixa etária.

De acordo com a agência britânica, a vacina da Pfizer também seria capaz de reduzir em 83% o número de mortes causadas pela Covid-19 entre pacientes com mais de 80 anos de idade. Por enquanto, não há dados equivalentes referentes ao imunizante Oxford/AstraZeneca.

Confira a matéria completa no Metrópoles, parceiro do Manaus Alerta.