Wilson Lima entrega fomentos a produtores do setor primário de Iranduba

Foto: Roberto Carlos/Secom

Em agenda no município de Iranduba, nesta sexta-feira (9), o governador Wilson Lima entregou 10 kits da pesca ornamental para a Associação de Pescadores e Pescadoras Profissionais de Iranduba (Aspepi), por meio do edital de chamamento público n° 002/2020, da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror). A solenidade aconteceu no Centro Educacional de Tempo Integral (Ceti) Maria Izabel Desterro e Silva.

Também foram entregues 27 Cartões do Produtor Primário, além da liberação de cerca de R$ 447 mil em Crédito Emergencial para 41 feirantes da Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS), e 12 agricultores familiares do município.

Wilson Lima destacou que o setor primário foi mantido como prioridade, mesmo durante o pico a pandemia. “Eu tive uma preocupação muito grande em dar atenção àquelas pessoas que mais precisavam, que foram muito prejudicadas. Tive a preocupação de não fechar as atividades do setor primário e, para os feirantes que faziam parte da ADS, o Estado comprou a metade do que eles venderiam na feira”, ressaltou o governador.

Kit Pesca – Cada kit de pesca ornamental entregue no Iranduba é composto por 10 caixas plásticas brancas tipo caçapa de 40 litros; uma bateria 60 amp; uma tela mosquiteira de nylon verde 1x50m (rapiché); um facão – mato – 16 polegadas; uma faca inox peixeira reforçada com cabo de madeira de 6 polegadas; entre outros itens.

“Vai melhorar porque a gente vai produzir mais um pouco, vamos ter os tanques para pescar o mesmo peixe que é do rio, que a gente pode tirar para a alimentação. Antes não tinha esse incentivo e hoje o Governo está incentivando muito. Ele viu o lado da gente, que é o menos favorecido. A gente agradece, de coração”, disse Atacílio Felício da Silva, pescador ornamental.

Cartões do Produtor

Na ocasião, também foram entregues 27 Cartões do Produtor Primário por meio do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam). Foi feita, ainda, a certificação aos participantes do curso “Oficina de Beneficiamento do Pescado com a Retirada de Espinha de Peixes”, realizada pela Secretaria Executiva de Pesca e Aquicultura (Sepa/Sepror).

Crédito Emergencial

Os R$ 447 mil liberados como Crédito Emergencial para feirantes e agricultores familiares são resultado de uma parceria entre Afeam (Agência de Fomento do Estado do Amazonas), ADS e Idam.

“Isso é importante para que ele possa garantir a compra de semente, a compra de implementos e de outras estruturas, para que ele possa aumentar a produtividade dele”, pontuou Wilson Lima.

Os feirantes de Iranduba ainda podem procurar a equipe técnica da ADS para acessar a linha de financiamento da Afeam, munidos dos seguintes documentos: RG, CPF, comprovante de residência, dados bancários e declaração de feirante cadastrado na ADS. Os limites de financiamento podem chegar ao valor de R$ 21 mil, sendo que até R$ 5 mil não é necessário apresentar avalista.

Além disso, a adesão ao Crédito Emergencial proporciona aos feirantes e produtores uma linha de financiamento com até 180 dias para começar a pagar, com a menor taxa de juros anual do país, que é equivalente a 6%.

“Vai ajudar muito porque eu trabalho com a Afeam já há dois anos e foi muito bom na minha vida. Foi por isso que eu tentei de novo o crédito, para ajudar na agricultura, na minha família, porque agora com essa pandemia tivemos um pouco de dificuldade”, afirmou a agricultora Cristina Cardoso.

Plantação de pitaya

No município de Iranduba, o governador também visitou uma plantação de pitaya, localizada no quilômetro 10 do ramal do Janauari. A produção no local é de, aproximadamente, uma tonelada por ano.

A ADS possui duas Feiras de Produtos Regionais no Iranduba, sendo uma na região urbana, que funciona toda sexta, das 6h às 12h, e outra no ramal do Janauari, que funciona aos sábados e domingos, das 6h às 12h. O programa do Governo
do Estado beneficia diretamente 60 feirantes no município.

As informações são da assessoria